Aug 29, 2010

Rio de Janeiro - 1972










steppin' out 

steppin' in

in my 1972's house floor

my retro waves

my vintage states

my red blues 

a tropical island
in
Rio de Janeiro

long legs took me here

empty arms 

no dust

no sorrow

dancing floor

lay down

a Woman

 and 3 time zones

my hummmm....

shoes

following the stones

technicolor me

cinema and soundtracks

smooth nights

signs of life

signs of beauty

follow ....


"you'll never walk alone!!"

George C.








photos by Laura


sounds....


Tom Jobim 

4 comments:

carpe vitam! said...

gosto muito desses teus sapatinhos :) e é giro ver-te contagiada pelas terras tropicais, calor, música, sotaque açucarado...

Laura said...

ah obrigada pela simpatia, e inesperada visita.

açucarada, é que não está a combinar comigo agora.
teu blog reporta-me a algo que não posso pensar, dá-me naúseas.

bjo para ti

carpe vitam! said...

Lamento. O blog não é só meu, está aberto a quem quiser participar, a única coisa que posso sugerir é que não passes por lá, para evitar as náuseas. Se bem que não me importo nada de te ler por lá, mesmo quando estás mais amarga :)
De vez em quando vou passando por aqui, mas se preferires, abstenho-me de comentar.
Beijo açucarado ;)

Laura said...

Obrigada pela tua compreensão e carinho.
Sei que o blog não é só teu, e gosto do que escreves.
Não vou muito lá, para não amargar, gosto mais de mim, doce, generosa e amiga.

Estou muito bem aqui, nesta terra de fogo, e gente feita de mel.
Mas, as mágoas, trouxe-as na mala, no porão do avião; já por aqui, levo mais umas na cara, e ás vezes, fico muito amarga, qd vejo coisas que me levam ao que eu não quero, e preciso apagar.

Fico contente que venhas aqui, apesar de já não ser o Sexlife, mas sim o JazzBox, que sou só EU, sem arco-íris.
Ainda por cima, por razões profissionais e objectivos que tenho, deixei de mostrar o cú e passei a mostrar o rosto, que tb é com ele que ganho a minha vida.

E podes comentar sempre que quiseres; as naúseas não vão durar mto mais,
esgotei, cai, e levantei-me.
É a vida :)
Teenho pena de gente, que nem dá conta que, se geras merda, atrais merda, geras positivo, atrais o melhor para a tua vida.

Mais uma vez, obrigada, desculpa o desabafo, mas sempre é melhor que que parecer uma mulher mal educada e artilhada.

E volta sempre :)

Beijos que não são amargos ;)